FPO ampliará a representatividade da categoria no Congresso Nacional

31/08/2021 13:02:22



Composta por 213 parlamentares, a Frente Parlamentar dos Oficiais de Justiça (FPO) foi lançada no último dia 26 de agosto, em cerimônia realizada em Brasília. Com o objetivo de atuar de forma estratégica no Congresso Nacional, a Frente é um importante passo na representatividade e luta pelo aperfeiçoamento da legislação relativa aos Oficiais de Justiça. 


Presente no evento de lançamento da FPO, o presidente do Sindojus-SC, Fernando Amorim Coelho, acredita que o lançamento é muito promissor, visto que os objetivos da Frente estão em conformidade com os desejos da categoria, assim como de suas entidades representativas. Entre os propósitos da FPO está a defesa e apoio às atividades dos Oficiais de Justiça estaduais e federais do país, dando voz às suas reivindicações, defendendo suas prerrogativas e lutando pela manutenção de seu importante trabalho em prol da sociedade. 


Além de pautas específicas como o reconhecimento do cargo típico de Estado, atividade de risco e aposentadoria especial, a FPO trabalhará por pautas que atingem todo o funcionalismo público, como a PEC 32 – Reforma Administrativa. Constituída por representantes de todas as correntes de opinião política na Câmara dos Deputados, inicialmente ela será presidida pelo deputado Fábio Henrique (PDT/SE), tendo sede no Distrito Federal.


Também estiveram presentes no evento as seguintes entidades: SINDOJUS/CE, SINDOJUS/GO, SINDOJUS/MG, SINDIOFICIAIS/ES, SINDOJUS/DF, SINDOJUS/GO, SINDOJUS/PI, SINDOJUS/MT, Fesojus, Fenassojaf, AOJUS/DF, Assojaf/GO, Assojaf/DF, Assojaf/TRT10, Assojaf/SE e Assojaf15.


UNOJUS – No mesmo evento de criação da FPO, foi oficialmente instituído/registrado o Instituto Nacional em defesa dos Oficiais de Justiça Leon Prata Neto – UNOJUS, uma entidade criada para dar suporte técnico à Frente. Entre as diversas entidades representativas (sindicatos, associações e federações) fundadoras desse projeto está o Sindojus-SC. Seu presidente esclarece que a UNOJUS e a FPO trabalharão em parceria, ficando o Instituto com a responsabilidade de promover estudos técnicos e organizar a agenda do setor a ser encaminhada para a Frente Parlamentar dos Oficiais de Justiça.


Na foto (da direita para a esquerda), João Batista, presidente da Fesojus, deputado Estadual Karlos Cabral (PDT/GO), Fernando Amorim Coelho, presidente do SINDOJUS-SC, e o deputado Federal Ricardo Silva (PSB/SP).






SINDICATO DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE SANTA CATARINA

Rua Silveira de Souza, nº 60 - CENTRO
Florianópolis - Santa Catarina. Cep: 88020-410



2019 SINDOJUS / SC | Todos dos Direitos Reservados